Significado do Magenta

Já que as pessoas costumam se confundir entre as várias denominações para as cores que surgem da mistura do vermelho com o azul e já que não há um regulamento quanto a essas classificações, vamos considerar que o violeta e o roxo sejam a mesma cor, e que sejam uma mistura equilibrada entre o vermelho e o azul. Consideraremos também que as cores púrpura ou magenta estão mais para o lado do vermelho (mais vermelho na mistura) e que as cores lilás e anil estão mais para o lado do azul (mais azul na mistura).

Flor com pétalas na cor magenta

Assim feito, veremos que o magenta é como um púrpura mais claro e intenso, e transmite a sensação de prosperidade, nobreza e respeito. Magenta equivale a um pensamento reflexivo e místico. O profundo mistério que a cor evoca pode promover sensações de tristeza e melancolia caso a pessoa conviva demais com o magenta.

Este vermelho aprofundado com traços de azul recebeu o nome de uma cidade italiana. Em Magenta no ano de 1859 os austríacos foram batidos pela França e Sardenha; o pigmento anilínico dessa cor foi descoberto no ano seguinte.

Esta cor também é referenciada com o termo carmim, do árabe kermes, um pequeno inseto do qual se extraía o corante.

O magenta significa espiritualidade e intuição, portanto, é uma cor que simboliza o mundo metafísico. É a cor da alquimia e da magia. Ela é vista como a cor da energia cósmica e da inspiração espiritual. A cor magenta é, segundo místicos, excelente para purificação e cura dos níveis físico, emocional e mental. Ajuda a encontrar novos caminhos para a espiritualidade e a elevar nossa intuição espiritual.

Magenta simboliza respeito, dignidade, devoção, piedade, sinceridade, espiritualidade, purificação e transformação.

O magenta representa o mistério, expressa sensação de individualidade e de personalidade, associada à intuição e ao contato com o todo espiritual. É aconselhável para locais de meditação.

Significado da cor magenta